Notícias

.

terça-feira, 5 de junho de 2012

Pela Barragem da Queimadela - Fafe

Pela Barragem da Queimadela - Fafe

Nada melhor do que o contacto com a natureza para aliviar o peso de mais uma semana de trabalho.
Mais um Encontro Informal de Autocaravanistas, organizado pelo site: www.autocaravanismovirtual,.com.
Desta vez, o destino o Minho e mais concretamente a barragem da Queimadela em Fafe: 
GPS: N41° 30' 13.25" W8° 9' 44.53"

Sexta-feira:, 1 de Junho de 2012:
Chegámos entre as 20 e as 22 horas. Aparcámos nas traseiras do parque de campismo  e aí passámos a noite.

Sábado, 2 de Junho de 2012:
Depois de tomado o pequeno-almoço, cerca das 10 horas, o grupo de pedrestrianistas atirou-se ao primeiro dos trilhos programados, "A rota do Maroiço", num total de 24 kms.































 Uma pausa para carregar energias...

 Mais uma pausa para descansar um pouco...



























Pelas 18 horas, com 24 kms nas pernas, cansados mas contentes, o grupo regressou às autocaravanas.

A caminho da Aldeia do Pontido:

Entretanto, enquanto faziam o trilho atrás referido, por não me encontrar em condições físicas capazes de aguentar a dureza do percurso, eu permaneci perto das autocaravanas..., mas não parado.
Com um ritmo mais lento e cuidadoso, munido ma máquina fotográfica, parti à descoberta da margem esquerda do rio Vizela, a montante da barragem, em direcção à aldeia do Pontido.
Uma palavra apenas: "Sublime":
 "Água que desliza, barragem abaixo."




 "Águas entre fragas"

 "Radicalismo natural"

































4 kms de natureza em perfeita simbiose com a acção do Homem.

O dia terminou com alguma chuva, no aconchego das autocaravanas.
A noite foi muito sossegada e reconfortante para os músculos cansados.

Domingo, 3 de Junho de 2012

Acordámos mais tarde. Levantámos o fresco pão, encomendado de véspera no parque de campismo e, por volta das 11 horas aventurámos-nos, decidindo explorar um trilho não marcado, sugerido pelo encarregado do parque de campismo.
"- É um trilho de cerca de 3 kms, não marcado e só conhecido pelos habitantes da zona!" - esta indicação aguçou-nos a curiosidade e seguindo as suas indicações fizemos-nos ao caminho...
















 "Ponte romana"
























"Fim do trilho com saudações motoqueiras"

Depois de um almoço, prolongado "tarde dentro",  após as despedidas da praxe e de votos "até um dia próximo..." montámos nas ACs e regressámos às nossas casas.





























Sem comentários:

Publicar um comentário